poder voar

Diziam que ele não sabia nada da vida, já que o julgavam apenas um jovem.Ele não entendia porque afirmavam que ele não sabia o que era o amor. Sentimento não é algo com tempo certo para começar, tampouco possui prazo de validade.

Não era ingênuo ou imaturo. Viu sua vida mudar completamente em pouco tempo. Nesse período, não levantou sua cabeça uma vez, seu sorriso, sempre contagiante, já havia perdido a beleza.Era isso,parecia ser o fim.

Percebeu que, um anjo lhe estendeu a mão. Sempre havia imaginando os anjos com asas e em forma de crianças, mas o jovem viu apenas uma garota.Ao estar com ela, sentia que podia voar.

Esse anjo, nunca o abandonou. E hoje, o rapaz ainda sente que pode voar. Dizem, que o amor dá asas.
Para o meu anjo em especial, que me passa a sensação de poder voar todos os dias.

E você, já achou o seu ?


texto escrito por Bruno Britto.

para deixar claro para meu seguidor anônimo a hitória original que inspirou o texto abaixo ;D
Comentários
4 Comentários

4 Comentários:

  1. Que lindo esse texto! Quem é esse autor ?

    ResponderExcluir
  2. Pois diga pra ele que ele é um fofo. Garota de sorte!

    ResponderExcluir

Já que já chegou até aqui, registre sua opinião. Leio todos os comentários e respondo sempre que possível. É muito importante e gratificante saber quem está lendo e o que está achando.
Deixe o link do seu Blog no final, com certeza farei uma visita!
Obrigada e volte sempre. :)

 
© Refúgio - 2012. Todos os direitos reservados.
Criado por: Cecília Maria.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo